Chanel Haute Couture – Primavera/Verão 2013

Na semana passada, ocorreu em Paris a semana de Alta Costura Primavera/Verão 2013, onde as grifes mais famosas desfilam seus modelos exclusivos, que muito provavelmente aparecerão nos próximos red carpets mundo afora!

A Chanel lançou sua coleção ao mundo em um cenário calmo de floresta tropical com trilha sonora de passarinhos no Grand Palais. Coleção esta que trouxe consigo uma pitada de romantismo alemão, que quebrou o ar tropical do cenário e deu um toque de drama sombrio.

Com detalhes luxuosos, fios dourados e prateados, as clássicas peças em tweed – apresentadas em cores pálidas ou carvão – foram feitas à mão com estreitas tiras de lã e fitas, usadas para uma linha de casacos que caíam suavemente por cima de saias, constituindo os famosos tailleurs. Quando as saias eram curtas, as pernas das modelos ainda estavam completamente cobertas por botas de renda, algumas delas feitas do mesmo tecido que o resto do look, dando a ilusão de serem calças justas por dentro de botas rendadas.

Os detalhes vistos nos ombros dos quatro modelos acima são chamados de “manga de pássaro” por Karl Lagerfeld, e é um detalhe que a própria Coco Chanel usava em seus vestidos de festa no começo dos anos 30.

Alguns modelos possuíam características andróginas no meio do classicismo da marca. Saias estruturadas e armadas – como a da última foto acima -, detalhes metalizados, e cortes retos com gola e mangas estruturadas – como o vestido da primeira foto abaixo.

A aplicação de renda preta e azul sobre neoprene é uma técnica de alta costura que foi fielmente trazida para o século XXI, além de dar um ar muito mais sofisticado às peças, tornando-as muito mais únicas.

O azul marinho está definitivamente na cartela de cores de Karl Lagerfeld nessa primavera. Mas os modelos florais não escaparam! Seguindo a tendência já ativa, a estampa floral com fundo escuro continuará com tudo nessa estação.    

Quando eu vi os modelos florais de Karl Lagerfeld, me senti em uma galeria de arte olhando para telas e mais telas coloridas, com pinceladas alternadas e traços modernos. E foi essa mesma a intenção do designer: Karl queria que as estampas e aplicações de flores se parecessem com quadros e pinturas. As peças florais com a cartela de cores em preto, vermelho e branco acabaram sendo, olhando bem de pertinho, bordadas em paetês. E as coloridas com toques de pink, azul e roxo trazem uma essência dos anos 30.

Os paetês trouxeram um ar moderno e glamouroso às peças sérias com cores sóbrias da coleção. Adorei o vestido branco com barra estruturada e casaquinho de paetês com flores bordadas!

Os vestidos em seda, tule e com aplicações de penas e plumas trouxeram um romantismo sem igual nos momentos finais da passarela da Chanel. Cada um parece ter saído de um livro de Shakespeare.

Os vestidos de noiva da grife são puro exemplo do romantismo da coleção. Esse momento final do desfile marcou com certa polêmica a ocasião: Karl, já conhecido por tratar de vários assuntos delicados, demonstrou, a partir de duas modelos vestidas de noiva, seu apoio ao casamento gay.

O menininho fofo ao lado delas é sobrinho do designer 🙂

Confira abaixo o desfile completo e os momentos marcantes em vídeo:

Desfile Completo

Momentos Marcantes

Fotos: Marcus Tondo/InDigitalteam/GoRunway.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s